Posted in Crônicas

Saudade dos Pequenos Gestos

O dia-a-dia nunca é o mesmo sem aquelas frases preciosas

Saudade dos Pequenos Gestos Posted on 14 de Abril de 2018

Amante das letras, da música e da fotografia. Criador do site Na Companhia do Café e autor de todos os textos postados aqui.

A Saudade no Pequenos Gestos

Saudade dos pequenos gestos carinhosos daquele que a gente nem precisava pedir pra falar. Parecia que lia nossos pensamentos até que nos surpreendia com uma palavra ou uma frase de carinho. Quando estamos solteiros passamos a viver uma rotina estranha para quem está habituado a ter alguém ao seu lado sempre pronto para dizer o que gostamos de escutar. Entre tantas coisas que a gente presencia num relacionamento é sem dúvida o carinho com as palavras.

Como foi o seu o dia?
Sabia que tu é tudo o que sempre quis?
Te cuida!
Sonhei com você!
Oi!
Bom dia, doce amor!
Te amo!
Te quero tanto!
Vem cá, vem!
Não me deixa, tá?
Não me abandona!

Tão simples, tão pequenas, tão sutis, mas tão capazes de marcar a vida de quem ama de verdade que é impossível imaginar que um dia ficaria sem elas. Cada uma destas frases e palavras já fizeram parte do dia-a-dia de alguém que viveu um amor. Em nossa rotina corrida cada uma delas eram incansavelmente faladas inúmeras vezes todos os dias. E hoje, quem não tem de quem ouvi-las vive em um silêncio que parece ser eterno.

Ao ler estas frases sentimos um aperto no peito, uma vontade enorme de gritar ou nos perguntamos onde ou porque tudo aquilo terminou. Nunca estamos em uma relação pensando que um dia irá terminar. Jamais o fim está incluído no projeto de vida a dois. Quem ainda escuta cada frase destas sabe o quanto é importante sentir do seu amor aquela sensação gostosa, como um arrepio.

Até mesmo aquele “oi” é diferente quando escutamos de quem amamos.

Quando escutamos um “oi” de quem a gente gosta ele sempre vai causar um efeito diferente. Não é o mesmo tom que você escuta do seu porteiro, do seu colega mala do trabalho, do seu chefe ou amigo. Pra quem tem o seu par sabe o quanto é importante esse gesto no seu dia. Sempre quando você atende o celular aquele “oi” faz você perder o chão, a noção do tempo, esquecer o que estava fazendo e arranca um sorriso sem jeito. E não importa onde esteja, a resposta sempre vai ser “Oi amor!!!”

Pequenos gestos de amor e carinho juntos são quase a fórmula da felicidade eterna.

No decorrer da vida aprendemos, infelizmente, a dar valor às pequenas coisas sempre quando as perdemos. É triste, sim, quando nos desentendemos com quem amamos nunca vamos lembrar do que poderemos ficar sem quando há a separação. Gestos pequenos de carinho são como pilares que sustentam toda uma relação amorosa. São a parte essencial de um todo que compõe uma vida plena a dois.

A saudade dói quando lembramos de quem não está mais junto no tempo que se ouvia “Meu amor” ou “Te amo tanto!”.

Percebe-se a tamanha importância destes gestos quando escutamos de um amigo o singelo “Como foi o seu o dia?” e nos damos conta como era gostoso ter alguém que se importava com você. Pra quem hoje escuta frases assim de alguém que ama muito valorize, aprecie, deguste, olhe nos olhos, sinta e retribua. Retribua de todo o seu coração.

Ter alguém que faz o seu dia melhor com pequenas palavras ou frases diminutas é saber que existe quem possui a chave da porta onde se encontra toda a sua essência que ele tem nas mãos. É isso que faz com que tudo isso na sua simplicidade tenha um valor incalculável e que ninguém nunca está pronto para perder. Experimente, você que ainda tem quem te aquece com essas palavras, imaginar um mundo sem elas. Esse é o mundo de quem perdeu onde só sobrou a saudade.

Paz e Luz para todos! Até a próxima!
Conheça nossa página no Facebook – Na Companhia do Café

Amante das letras, da música e da fotografia. Criador do site Na Companhia do Café e autor de todos os textos postados aqui.

Pin It on Pinterest

error: Conteúdo Protegido.