Posted in Crônicas

Continuar Tentando Vale a Pena?

Quando o amor existe só de um lado e a fé de continuar tentando é inabalável

Continuar Tentando Vale a Pena? Posted on 13 de Abril de 2018

Amante das letras, da música e da fotografia. Criador do site Na Companhia do Café e autor de todos os textos postados aqui.

Continuar tentando vale a pena?

Continuar tentando vale a pena mesmo com tudo acabado? Até que ponto é preciso chegar pra mostrar a sua importância a alguém que pouco se importa com a sua existência? Vale a pena alimentar uma esperança mesmo que nunca tenha sido dada a você? Até que ponto é válido estar sempre disponível mesmo sabendo que é só pra te usarem?

O tempo que tanto dizem para respeitarmos e usar a nosso favor nem sempre é tão piedoso. Nem sempre ele é complacente com os seus interesses sentimentais. Muitas vezes pensamos em dar um fim em tudo, chutar o balde, mandar tudo pro inferno e viver nossa vida até que você lembra dele. Dar uma chance a si todos os dias acreditando que dar tempo ao tempo nunca vai pesar na sua consciência. Mas essa atitude tem um preço.

Demoramos muito para nos dar conta, mas a hora sempre chega. Você quer acreditar que o que está oferecendo, de coração, está sendo valorizado e isso lhe dá mais motivação para continuar tentando. Você cria uma expectativa de que lá na frente vai ter tudo o que sonhou, mesmo que no fundo sabe que está sonhando sozinho. Com todos os avisos, de todos os lados, te mostrando que tudo em que está investindo vai dar em nada, assim mesmo vai continuar tentando.

Todos os dias você acorda prometendo a mesma coisa que ontem: Hoje vou fazer diferente. Você renova sua esperança, energia, ânimo. Passa o dia com pensamentos positivos alimentando a ideia de que as coisas vão dar certo e seu projeto vai acontecer. Deus premia você com o abrir de olhos como se dissesse para ti em alto e bom tom: Aqui está mais uma chance.

Não vale a pena continuar fazendo as mesmas coisas e esperar resultados diferentes.

Existe um momento na vida de todos nós que precisamos aprender a desapegar daquilo que não nos acrescenta mais nada. Você está agarrado a algo vazio sem nada mais a te oferecer. Está só servindo a esta pessoa sem reciprocidade. Precisamos parar de colher decepções e aceitar de uma vez por todas que estamos amando sozinhos. E isso dói, é inegável. Precisamos parar de correr atrás de quem tem de você só uma vaga lembrança. Ser útil só quando precisam chega a ser ridículo e serve apenas pra nos por pra baixo.

É chegada a hora de fechar para o que não te agrega mais nada e abrir para o que soma com você.

Deixe aproximar aqueles que realmente demonstram que você é importante. Que és uma lembrança boa e ligam pra ti dizendo “puxa, lembrei de ti!” Você não precisa de quem atrasa sua vida, de quem pouco se importa com o seu tempo e o seu sentimento. Quando analisamos a nossa forma de lidar com nossas atitudes é que descobrimos de onde vem o aperto no coração. E é nessa hora que precisamos tomar uma atitude pra nós.

Nosso tempo, nossa vida, nossa presença aqui neste plano é finito e precisamos aproveitar esta dádiva com sabedoria. Já aprendemos a nossa lição, ganhamos a batalha, agora é o momento de dar o próximo passo. Continuar tentando vale a pena quando determinamos quando é o momento de parar e mudar nossa história pra melhor para nós.

 

Paz e Luz para todos! Até a próxima.
Conheça nossa página no Facebook – Na Companhia do Café

Amante das letras, da música e da fotografia. Criador do site Na Companhia do Café e autor de todos os textos postados aqui.

Pin It on Pinterest

error: Conteúdo Protegido.